Logística 4.0 e seu papel estratégico dentro das empresas

Logística 4.0 e seu papel estratégico dentro das empresas

A Revolução tecnológica como diferencial competitivo e estratégico é parte da Logística 4.0

Marcelo Banzato Blog 307 views 5 min. de leitura

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Atualmente, fala-se muito sobre assuntos como Big Data, Internet das Coisas e diferentes inovações e como esses elementos moldam um novo jeito de gerenciar negócios e, sobretudo, a logística.

Nesse contexto, surge o conceito de logística 4.0, um modelo que é produto da revolução tecnológica e que incorpora em suas operações as tendências e fenômenos que surgem a cada dia no mundo moderno.

Para manter sua empresa competitiva e relevante no mercado, é extremamente importante que você, como gestor de logística, entenda mais desse tema e saiba a diferença que ele vai fazer no seu negócio.

Confira algumas dessas soluções baixe o [E-BOOK] SOLUÇÕES LOGÍSTICAS: TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER.

[E-BOOK] SOLUÇÕES LOGÍSTICAS: TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER

A Logística 4.0 surgiu em resposta às tendências emergentes geradas pela Indústria 4.0, com o início do século 21. Neste sentido, a necessidade de agilizar os processos da cadeia de abastecimento e sistemas produtivos tem crescido e o prognóstico aponta para o progresso contínuo. Dessa forma, a futura vantagem competitiva das redes de suprimentos e das empresas relacionadas a elas tem a predisposição de ser determinada pela capacidade de flexibilidade, assim como planejamento contínuo e reação às mudanças em meios de produção e de consumo.

Logística 4.0 como tendência futurística

A Logística 4.0 não se apresenta apenas como uma tendência futurística, mas também, como uma realidade permanente e evolutiva. Enquanto o modelo tradicional da logística englobava estoques desnecessários, perdas de inventários e ativos, erros corriqueiros de controles, lead times estendidos, centros de distribuições desconectados e obsoletos, falhas de carregamentos e entregas de transportes, concorrência e know how de baixo índice, a Logística 4.0 retrata estoque zero, lead time curto, alta conectividade, informações em tempo real, virtualização de sistemas de processos, centros de distribuição inteligentes, inteligência operacional por meio de IoT (Internet of Things), gestão de armazém através de Wi-fi e visão integrada da cadeia de suprimentos.

À medida que a logística assume um papel estratégico dentro das empresas, seus processos se desenvolvem e, com eles, a tecnologia usada para otimizar cada vez mais as operações.

Investir em tecnologia e potencializar resultados com o uso de recursos como a análise de dados e sistemas inteligentes — que tem a capacidade de auto-otimização e autoconfiguração — são práticas essenciais da Logística 4.0, e indispensáveis para empresas que desejam sair na frente da concorrência.

A Logística 4.0 é ultraconectada, rápida, tecnológica e otimizada. Para tal, é necessário promover uma mudança na cultura corporativa e apostar na integração: a inclinação no momento é a adoção de sensores e programas que interliguem máquinas, pessoas, redes, entre outros elementos da cadeia de suprimentos, formando um fluxo operacional autônomo e eficiente.

Vale ressaltar que a Logística 4.0 e seus impactos não são uma tendência futura, mas sim uma realidade. Para conseguir maximizar resultados, atingir a alta performance e elevar um negócio a níveis globais, esse processo de transformação e inovação é imprescindível.

A tecnologia auxilia na redução do custo de transporte, na desburocratização de processos e cria um ambiente de concorrência mais ético.

Benefícios da Logística 4.0

Na Logística 4.0, utiliza-se das informações da Quarta Revolução Industrial e de elementos importantes da cadeia de suprimentos que podem ser compartilhados gerando maior conhecimento e colaboração. A Logística 4.0 apresenta oportunidades passíveis para a melhoria contínua das empresas atentas aos cenários futuros e dispostas a investir seus recursos para obtê-las.

Veja alguns benefícios:

  • Produtividade e personalização – a utilização de inteligência artificial e impressão tridimensional permite às empresas alcançarem a produção com eficiência, além de atender a nova demanda por produtos personalizados aos clientes.
  • Aumento de competitividade – a inovação aliada à tecnologia empoderam as empresas a avançarem nos campos de pesquisa e desenvolvimento para desenvolver produtos e serviços competitivos, gerando ambiente saudável para o mercado.
  • Redução de passivos estagnados – a diminuição de estoques e, consequentemente, de estruturas de armazenagens tornarão as empresas financeiramente competitivas para substituir custos em insumos desnecessários por investimentos em soluções inovadoras.

Os desafios encontrados pela Logística 4.0 são os fatores que dificultam ou impedem o desenvolvimento e a implantação efetiva de soluções inovadoras. Dentre estas, destaca-se os seguintes fatores:

  • Sobrevivência no mercado - empresas despendem de recursos e esforços apenas para a sobrevivência, dessa forma, os investimentos realizados são voltados principalmente à redução de custos.
  • Fusão entre dimensões físicas, digitais e biológicas - capacidade das empresas em integrar as três principais esferas que norteiam a Revolução 4.0, incluindo a relação entre colaboradores e máquinas dotadas de inteligência artificial.
  • Capacitação e qualificação atualizada - equipes e gestores com baixo índice de atualização com novas tecnologias e demandas mercadológicas influenciam negativamente no comportamento de acionistas.
  • Gestão de liderança - capacidade de gestores de níveis táticos e estratégicos de adaptação e aprendizado simultâneos, além de estimular as respectivas equipes a executar estas habilidades.
  • Descentralização - migração de mercado de consumo de produtos para, principalmente, de serviços.
  • Adaptação de cultura à rede - aptidão das empresas em adaptarem-se à colaboração em rede e à fixação de parcerias com concorrentes e stakeholders.
  • Adequação para a evolução constante - prontidão para a evolução de tecnologias e novos modelos de negócios de forma progressiva, permanente e exponencial.
  • Exigência dos consumidores – com o avanço da tecnologia e a alta competitividade entre as empresas, o consumidor passará a ter mais conhecimento e poder de exigência diante do mercado.

Cabe às empresas escolherem um operador logístico que melhor atenda suas necessidades aliado a habilidade de planejar e executar planos de ações para adaptação, adoção de modelos de negócios, flexibilização de produtos e embalagens, reconfiguração de cadeia de suprimentos.

E a sua empresa já está preparada para enfrentar os novos desafios da era digital?

 

Confira algumas dessas soluções no 


[E-BOOK] SOLUÇÕES LOGÍSTICAS: TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER


Esse material traz informações importantes sobre produtos e serviços para atender as diversas necessidades da Logística de modo geral. Trazendo soluções únicas e inovadoras.

acessar eBook

 

Gostou deste artigo? Então acompanhe nosso Blog e se inscreva agora mesmo para aproveitar todos os conteúdos!

Fale com um de nossos especialistas e tire suas dúvidas.

+55 11 4612.4680 

Até a Próxima Semana!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
Marcelo Banzato
Marcelo Banzato

CEO da empresa Cotlog Soluções Logísticas é pós-graduado no curso Executivo em Gestão Empresarial pela Fundação Getulio Vargas. Possui em seu currículo várias certificações internacionais na área da hipnoterapia.

Todos as publicações do(a) autor(a)

Deixe seu comentário aqui:

Artigos Relacionados